Descubra como podemos aumentar o faturamento da sua farmácia com serviços farmacêuticos

Vacinação infantil na farmácia: o que o farmacêutico precisa saber

busca

A imunização é considerada uma das intervenções de saúde com maior custo-efetividade, principalmente a vacinação infantil, e representa uma importante estratégia de saúde pública, sendo capaz de salvar milhões de vidas por ano.

Essa importância fica evidente quando comparamos o cenário antes e após vacinação em massa contra algumas doenças.

O número de casos de poliomielite, por exemplo, caiu em mais de 99% desde o início da Campanha pela Erradicação Mundial da Poliomielite, lançada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na década de 80. 

Embora os benefícios e segurança das vacinas estejam bem documentados, uma corrente de pensamento que sustenta a hesitação em relação às vacinas tem sido manifestada por pessoas em diferentes lugares do mundo.

Essa hesitação ou relutância vacinal, definida como recusa de vacinar apesar da disponibilidade de vacinas, vem sendo cada vez mais relatada e foi considerada uma das 10 ameaças à saúde global pela OMS.

No Brasil, esse fenômeno já foi identificado e as farmácias têm potencial para enfrentar esse cenário. 

Os farmacêuticos, pela acessibilidade e conhecimento técnico, podem ocupar um lugar influente na vacinação infantil, atuando na divulgação de informações confiáveis e na decisão sobre a imunização.

Neste artigo, apresentaremos algumas dicas para auxiliar os farmacêuticos na abordagem sobre a imunização e informações relevantes sobre a vacinação infantil.

Desde a publicação da  RDC  nº 197/2017, as farmácias podem oferecer o serviço de vacinação. 

Confira aqui algumas farmácias que já oferecem o serviço com a Clinicarx.

Como lidar com as preocupações relacionadas à imunização

A hesitação vacinal é uma preocupação atual. Por isso, existem maneiras documentadas para lidar com essa situação, inclusive com orientações para encarar as principais dúvidas dos cuidadores.

Recomenda-se, inicialmente, que seja estabelecido um diálogo positivo e não confrontativo com os responsáveis pela criança, presumindo que, em última instância, a criança será vacinada.

Além disso, é importante identificar as preocupações que resultam em incertezas sobre a imunização para que o profissional da saúde direcione os argumentos na tentativa de esclarecer as dúvidas sobre a segurança e os benefícios da vacinação.

Nesse contexto, o farmacêutico pode ajudar os responsáveis pela criança a coletar e interpretar informações de qualidade para que uma decisão informada seja tomada.

Por que vacinar?

A vacinação é uma maneira altamente eficaz, segura e fácil de manter a criança protegida contra doenças.

A recusa da vacina aumenta o risco de surtos de doenças evitáveis ​​pela vacina na população em geral. É sempre melhor prevenir uma doença do que tratá-la depois que ela ocorre.

Segurança das vacinas

O desenvolvimento de vacinas compreende etapas com o objetivo garantir que elas sejam seguras e eficazes para as crianças receberem nas idades recomendadas.

Isso significa que a vacina só é aprovada e liberada para uso na população depois da análise criteriosa de dados que certificam a segurança e eficácia da vacina. 

Mas não é só o desenvolvimento de uma vacina que é fiscalizado. Após a aprovação, ocorre um monitoramento de fatores importantes relacionados à vacina com o objetivo de investigar quaisquer possíveis preocupações de segurança.

Essa preocupação em relação à segurança das vacinas é uma prioridade de órgãos reguladores de todo o mundo, incluindo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). 

Importância de cumprir os esquemas vacinais corretamente

Atrasar ou rejeitar o esquema vacinal pode trazer riscos para a saúde da criança porque aumenta a duração da vulnerabilidade a doenças.

Além disso, esse comportamento coloca em risco e pode prejudicar bebês que são muito jovens para serem vacinados ou até mesmo os que não são vacinados devido a certas condições médicas.

A vacinação pontual durante toda a infância é essencial para ajudar a fornecer imunidade antes que as crianças sejam expostas a doenças potencialmente fatais.

Vacinação infantil no setor privado

As vacinas disponíveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS) fazem parte do escopo de vacinas recomendadas pela OMS e o PNI é reconhecido mundialmente pelo sucesso no enfrentamento de doenças.

No entanto, as vacinas disponíveis no setor privado podem ser estratégicas para aumentar a cobertura vacinal e oferece algumas vantagens.

Opção válida para evitar que a criança receba mais injeções 

A necessidade de várias injeções em apenas um dia pode ser uma fonte de ansiedade para pacientes e cuidadores. 

No setor privado, é possível encontrar vacinas combinadas que ajudam a reduzir o número necessário de injeções para a vacinação infantil.

A vacina hexavalente, por exemplo, é uma combinação de 6 vacinas em 1 e pode ser encontrada apenas no setor privado. 

Oportunidade de proteger as crianças com vacinas que têm maior cobertura

Nas farmácias, é possível escolher vacinas que têm cobertura maior contra doenças.

A vacina Meningocócica ACWY, por exemplo, protege contra 4 sorogrupos de bactérias causadoras da meningite. 

No SUS, ela está disponível apenas para crianças de 11 e 12 anos, enquanto no setor privado está disponível para crianças a partir dos 3 meses de idade, oferecendo a vantagem de proteger as crianças mais novas.

Recursos da Clinicarx para ajudar na missão de vacinação

A Clinicarx é uma plataforma de serviços de atenção farmacêutica, para que farmacêuticos e outros profissionais da saúde possam implantar e oferecer esses serviços. 

Com a Clinicarx, a farmácia pode aproveitar de alguns benefícios para oferecer o serviço de vacinação:

  • Agendamento de retorno

O profissional pode agendar o retorno de acordo com o esquema vacinal.

Essa funcionalidade auxilia o profissional a lembrar do retorno ao visualizar a agenda do estabelecimento. 

Dessa maneira, uma mensagem de lembrete sobre as doses subsequentes pode ser enviada aos responsáveis pela criança.

Além disso, o aplicativo da Clinicarx pode ser utilizado pelo cliente para visualizar o próximo atendimento agendado na farmácia.

  • Prontuário eletrônico

A Clinicarx oferece um calendário vacinal específico para a faixa etária da criança com as vacinas de rotina recomendadas pela Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm);

  • Fornecimento de materiais 

Carteirinha de vacinação para que as farmácias registrem as vacinas e entreguem os documentos ao paciente. 

Nosso certificado de coragem faz sucesso entre as crianças! Após a vacinação, o farmacêutico pode entregar o certificado personalizado com o nome da criança e a data da vacina para que o paciente sinta o reconhecimento ao “vencer a temida agulha”.

mockup certificados de heroismo
carteirinha de vacinacao

Fidelize o seu paciente oferecendo  na sua farmácia todos os serviços que ele precisa. 

Com a Clinicarx, você consegue saber quais são as vacinas recomendadas para o perfil do seu paciente, esquema vacinal de cada categoria e consegue realizar o agendamento de retorno para que o seu paciente receba as doses subsequentes na sua farmácia.

Conheça os nossos planos e ofereça serviços com a qualidade que os seus clientes merecem.

busca

Categorias

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin

Posts Recentes

Quer saber mais sobre serviços farmacêuticos?

Clinicarx - Logo

Aproveite e veja também